Festival M

Festival M

Coimbra, 04 jul (Agência Lusa)

A Praia Fluvial Torres do Mondego, em Coimbra, vai acolher o Festival M, dos dias 19 a 21, num evento gratuito e de programação "eclética", que vai do ‘blues’ ao ‘stoner’, passando pela música popular brasileira (MPB).

O festival, organizado pela Junta de Freguesia de Torres do Mondego, vai decorrer no areal da Praia Fluvial de Palheiros e Zorro, também conhecida como a Praia Fluvial Torres do Mondego, com concertos de entrada livre nos três dias, a partir das 18:00.

No evento, onde as bandas nacionais estão em maioria, haverá uma banda ou artista estrangeiro por dia.
A 19, atua Spookyman, projeto de ‘blues’ do multi-instrumentista italiano Giulio Allegretti, no segundo dia, o brasileiro Léo Middea e, no terceiro e último dia, o trio alemão Mother Engine, que divaga entre o ‘stoner’ e o pós-rock.

O cartaz é completado com Little Orange, Chinaskee & Os Camponeses, Huggs, Can Cun e The Dusty Shakers.

"Tentou-se procurar fazer uma programação eclética, por ser um espaço partilhado por tanta gente diferente. No festival, vamos do ´pop´ dos Can Cun, até ao Léo Middea, que é referido como um pequeno Caetano Veloso, tendo também uma sonoridade mais pesada com o ´stoner´ dos alemães Mother Engine", disse à agência Lusa o responsável pela programação, Pedro Seixas.

A iniciativa surge depois de uma espécie de "teste", com uma série de concertos dispersos intitulada "Rock no Rio", passando agora para formato de festival, explicou Pedro Seixas.

Segundo o responsável, espera-se agora garantir a continuidade do festival, havendo alguma expectativa sobre como é que Coimbra recebe esta proposta, numa altura em que "há sempre muita coisa a acontecer" no país.

JYGA // SSS
Lusa/Fim

 




Festival M